Você está aqui: Página Inicial / Comunicação / Notícias / Resumo dos pronunciamentos de 11/02/2020

Resumo dos pronunciamentos de 11/02/2020

por Célia Ferreira publicado 12/02/2020 12h41, última modificação 12/02/2020 12h41

 

Renata Sabra  Baião Fiório Nascimento (PSD)

Afirma que, somente este ano, já fez 297 até este momento e fica feliz por estar sendo procurada pelas pessoas que precisam de ajuda, apesar da dificuldade que os vereadores têm de conseguir a realização das obras. Fala da expectativa de que as obras da Pracinha do Independência, prejudicadas pela chuva, sejam logo retomadas. Diz que as redes sociais do mandato estão à disposição para que a população faça sugestões e reclamações. Informa que Câmara está aguardado projetos importantes, entre eles um que irá beneficiar os taxistas, permitindo que seja reduzida a exigência de porta-malas muito grandes, para que possam comprar carros mais baratos e econômicos.

 

Diogo Pereira Lube (PDT)

Informa sobre indicações e outras proposituras feitas pelo mandato. Diz que visitou Monte Alegre, após a enchente, e fica triste de ver o isolamento a que a comunidade está submetida, principalmente por conta da condição de estradas e pontes. Esteve também em Pacotuba e Coutinho, e viu que a prefeitura e a Defesa Civil estiveram presentes, trabalhando, mas a comunidade pede que o trabalho seja intensificado. Comunica que fez pedido de isenção de IPTU temporária para todos os imóveis atingidos pela enchente. Anuncia que vai convocar audiência pública sobre o Plano de Contingenciamento de Desastres, documento que já existe, mas deve ser aprimorado, pois vários dispositivos não são atendidos pela administração. “Vamos esperar por outra catástrofe?”, questiona. Como professor de escola pública, afirma que os servidores não podem ser considerados parasitas, pois trabalham e se dedicam a melhorar o país. Convida a população a se filiar ao PDT, e afirma que “criticar sem fazer nada para mudar não adianta nada”.

 

Higner Mansur (PSB)

Informa que repassará para a Biblioteca da Câmara o livro “História da Escalada das Pedras do Espírito Santo”. Diz que fez documento pedindo informações à prefeitura sobre as vistorias técnicas feitas nos prédios públicos atingidos pela enchente. Relembra a história de construção da Praça conhecida como Ponto de Encontro, e informa que fez indicação solicitando que a prefeitura reforme o local. Lamenta que algumas das principais bibliotecas de Cachoeiro tenham tido todo seu acervo destruído pela enchente, e sugere que sejam transferidas para outros imóveis, em locais a salvo de novas cheias. Diz que denunciou ao MP que a prefeitura publicou esta semana suplementação de R$ 6 milhões com data de início de janeiro, o que poderia acobertar “uma fraude”. Segundo ele, no Diário Oficial desta segunda-feira foi publicada a nomeação de 516 DT,s para trabalharem durante três meses. E faz sugestão para as eleições: “Se estiverem no meu partido ou na minha coligação, gostaria de ver uma chapa formada pelos candidatos  Renata Fiório e Alexandre Bastos. Eles escolheriam quem seria o prefeito e quem seria o vice”.

 

Antônio Geraldo de Almeida Costa (PP)

Diz que moradores pedem novamente o recapeamento asfáltico do BNH de Cima e BNH de Baixo, serviço que ele já solicitou há vários meses, pois no local existiriam mais de 3.000 buracos. No entanto, afirma, o secretário de obras não tem respondido a seus questionamentos e solicitações, o que, segundo ele, é um desrespeito à função pública que o vereador desempenha. Diz que está preocupado e apurando a notícia de que uma empresa prestadora de serviços de Cachoeiro é dirigida por esposa de um secretário municipal. Denuncia que, enquanto a ambulância do Corpo de Bombeiros de Cachoeiro está em manutenção, foi substituída por outra que está em péssimas condições, o que prejudica o excelente atendimento do Corpo de Bombeiros. Diz que está preocupado com possível perseguição a funcionários da Viação Flecha Branca que têm reclamado com vereadores e imprensa sobre o atraso de salários, e lamenta porque não vê o sindicato defendendo esses trabalhadores. Diz que o Partido Progressista está aberto a todos que queiram se filiar a um grupo que quer melhorar a cidade e o estado.

 

Sílvio Coelho Neto (PRP)

Elogia a realização do Mutirão da Cidadania, para emissão de novos documentos perdidos na enchente, e diz que solicitou à Semdes que fizesse este atendimento também especialmente para localidades como Pacotuba, Coutinho, Conduru e São Vicente. Registra o nascimento de Benjamim, seu segundo neto, e agradece às felicitações que recebeu dos amigos.

 

Elio Carlos Silva de Miranda (PDT)

Registra o atendimento de serviços por ele solicitados, incluindo o recapeamento asfáltico no Boa Vista, ressaltando que o serviço ainda não terminou. Informa que na semana passada convidou a Defesa Civil para visitar e resolver a situação  da rua Adhemar Teixeira, onde há a árvore da espécie Ficus, cujas raízes ramificadas prejudicam tubulações de água e esgoto, calçadas e pavimentação. Diz que fez pedido de informação sobre os atendimentos feitos pela Secretaria Municipal de Agricultura em 2019, já que percebe que muitos produtores não foram atendidos pelo programa hora-máquina, para saber se a unificação da secretaria com a Secretaria de Interior, realizada no ano passado, prejudicou ou beneficiou os produtores.

 

Delandi Pereira Macedo (PSC)

Diz que representar a comunidade é sempre muito difícil, até porque nem todas as solicitações podem ser atendidas, o que causa descontentamentos. Elogia o Mutirão da Cidadania, para emissão de documentos perdidos na enchente, lembrando que a ação será importante inclusive para os pequenos comerciantes que tiveram seus estabelecimentos atingidos e precisam de crédito para reconstruir seus negócios. Parabeniza o prefeito Victor Coelho pela doação de uniforme, mochila e material escolar aos alunos das escolas públicas municipais.  

 

Wallace Marvila Fernandes (PP)

Lamenta a morte de idoso atropelado enquanto atravessava a Ponte Fernando de Abreu e recorda que em 2017 fez indicação solicitando colocação de gradil na ponte, o que até hoje não foi feito. Informa que vai renovar indicação solicitando a retomada dos projetos Rua do Lazer e Domingo na Praça, atividades de baixíssimo custo que levam diversão e qualidade de vida para a população.

 

Allan Albert Lourenço Ferreira (PRB)

Diz que solicitações feitas ao Executivo há seis meses, como a operação tapa-buraco no São Lucas,  ainda não foram atendidas. Diz que, no PRB, combateu o bom combate, “mas está chegando a hora de dizer tchau”, pois o partido nunca lhe deu a atenção devida, apesar de ser o único vereador da agremiação no sul do estado.

 

Alexon Soares Cipriano (PROS)

Parabeniza as mulheres de Cachoeiro pela retomada da UCM.  Diz que o Conselho Diretor da Santa Casa solicita agilização do processo de renovação de convênio com a Prefeitura de Cachoeiro, para atendimento de servidores, bem como do repasse do município para o hospital, que, segundo ele, vive dificuldades financeiras, tendo inclusive dívidas com fornecedores. Por isso, está intermediando uma reunião do Prefeito com os conselheiros da Santa Casa. “É preciso encontrar solução imediata, pois saúde é prioridade, vidas não têm preço”, conclui.

 

Rodrigo Sandi (PTN)

Lembra que é um dos mais de 20  mil moradores do bairro Zumbi, comunidade para onde sempre quis levar educação, saúde e esporte, e mostra indignação diante do fato de que nenhuma das quadras do bairro recebeu qualquer melhoria neste mandato, e que a pavimentação dos becos do bairro não foi concluída. Diz que pediu também a colocação de semáforo ou mudança do local do ponto de ônibus na travessia localizada na entrada do  Zumbi, mas até o momento não recebeu resposta. Afirma que pediu também a realização de operação tapa-buracos em todo o bairro e a melhoria da limpeza e coleta de lixo no bairro. Comenta boatos sobre a ida de lideranças para o Podemos, sem que que ele seja consultado, e afirma que, como único vereador do partido em Cachoeiro, gostaria de ser respeitado pelas executivas municipal e estadual.

 

Edison Valentim Fassarela (PV)

Comenta reportagem publicada pelo Jornal Fato com o presidente do CDL, que faz apelo para que a população compre no comércio  local, para ajudar a recuperar as mais de 500 lojas que foram atendidas pela enchente. “Conversei com meus filhos, e pedi que parem de comprar produtos pela internet”, diz.  Segundo ele, o esforço vale a pena e, caso o produto seja mais barato na internet, sugere que o consumidor tente negociar o preço com os comerciantes de Cachoeiro. Parabeniza a Secretaria Municipal de Saúde, que está fortalecendo a atenção primária, reformando as Unidades Básicas e qualificando o atendimento no PPG e na UPA do Marbrasa, localizadas em pontos extremos da cidade. Elogia, ainda, os investimentos para que vários bairros, inclusive o Paraíso, sejam contemplados com atendimento odontológico a partir deste ano.